• Fernanda Bahia

Women's CT 2022: conheça as 17 atletas que competem no tour mundial dessa temporada

Pela primeira vez, as mulheres e os homens vão começar o tour mundial juntos, na mesma janela de evento e no mesmo local: Banzai Pipeline, no Hawaii. E a janela da competição começa no próximo sábado, 29 de janeiro. O ManaSurf já divulgou aqui o calendário dessa temporada - que já sofreu alterações, e o local do Finals Day. Agora, vamos apresentar as 17 atletas que vão competir pelo título mundial em 2022.

Classe do CT 2022
Classe do CT 2022 | Imagem: reprodução/WSL

O formato de decisão das atletas que competem o CT mudou a partir dessa temporada. Em 2022, das 17 atletas que vão participar, 9 se classificaram a partir do ranking de 2021 do Championship Tour. Outras seis precisaram competir o Qualifying Series, para conseguir uma vaga no Challenger Series, e a partir do ranking do novo tour, conquistar uma vaga no CT.


Além das 15 surfistas classificadas, duas surfistas competem nas vagas de wildcard da temporada. E em cada evento terá uma wildcard local. A WSL nomeou ainda uma substituta, caso alguma atleta saia da competição nas primeiras cinco etapas do tour. A atleta substituta nomeada pela liga foi a australiana Bronte Macaulay.


Os nomes que a gente pode esperar para ver nas etapas do CT são:

1. Carissa Moore

A atleta é a atual campeã mundial e já venceu o tour cinco vezes. Carissa representa o Hawaii no tour, e representou os Estados Unidos nas Olimpíadas, garantindo o primeiro ouro da história do surf nos Jogos Olímpicos, em 2021. A surfista estreou no CT em 2010, e em 2011 ganhou o campeonato mundial pela primeira vez. Os outros foram em 2015, 2017, 2019 e 2021. Desde que entrou no CT, nunca finalizou uma temporada abaixo do top5 feminino.

Carissa Moore
Carissa Moore | Foto: reprodução/WSL

2. Tatiana Weston-Webb

Tati é a única representante do Brasil no tour mundial. A atleta competiu pelo Hawaii até 2018, quando, por ser naturalizada brasileira, passou a representar o país. O vice-campeonato foi o seu melhor resultado no CT, conquistado pela primeira vez na última temporada. A surfista representou o país nas Olimpíadas junto com Silvana Lima em 2021.

Tati Weston-Webb
Tati Weston-Webb | Foto: reprodução/WSL

3. Sally Fitzgibbons

A australiana Sally Fitzgibbons entrou no CT em 2009, e no seu segundo ano garantiu o vice-campeonato, assim como em 2011 e 2012. Apesar dos bons resultados, a surfista ainda não conquistou o título mundial, mas segue tentando. Aos 16 anos, Sally venceu o Junior Tour, e aos 18, o Qualifying Series - tendo vencido os cinco primeiros eventos daquela temporada.

Sally Fitzgibbons
Sally Fitzgibbons | Foto: reprodução/WSL

4. Johanne Defay

A francesa compete no CT desde 2014, e desde então nunca ficou fora do top10 nas temporadas em que competiu. Sua melhor classificação foi o quarto lugar, na temporada de 2021.

Johanne Defay
Johanne Defay | Foto: reprodução/WSL

5. Stephanie Gilmore

Stephanie Gilmore é o maior expoente do surf feminino no tour: a australiana é heptacampeã mundial. Seu primeiro título veio em 2007, com 19 anos, no seu ano de estreia no tour mundial. Ela foi a primeira, entre homens e mulheres, a vencer o tour mundial já no primeiro ano competindo. A última vez que Steph levou um título foi em 2018.

Stephanie Gilmore
Stephanie Gilmore | Foto: reprodução/WSL

6. Caroline Marks

Caroline Marks foi, em 2018, a atleta mais nova a se qualificar para o CT, quando tinha 16 anos. A americana garantiu, no seu ano de estreia, o vice-campeonato, e chegou a ficar em primeiro no ranking, durante a temporada de 2019. Esse é o seu terceiro ano no Championship Tour.

Caroline Marks
Caroline Marks | Foto: reprodução/WSL

7. Lakey Peterson

Lakey foi a primeira mulher a realizar um aéreo em uma competição, quando ela tinha 14 anos. Aos 18, entrou para o CT, e esta é a sua sétima temporada no tour. Em 2018, Lakey conquistou sua melhor colocação, um vice-campeonato. Esse ano, Lakey compete como wildcard, após um machucado mantê-la fora da competição e das últimas quatro etapas do tour.

Lakey Peterson
Lakey Peterson | Foto: reprodução/WSL

8. Tyler Wright

A australiana tem dois campeonatos mundiais, em anos seguidos: 2016 e 2017. Em 2019, Tyler competiu o último evento da temporada, quando voltou ao tour após se recuperar de uma doença auto imune. 2021 foi seu retorno oficial ao CT.

Tyler Wright
Tyler Wright | Foto: reprodução/WSL

9. Isabella Nichols

Isabella estreou no CT em 2021, aos 23 anos. Como rookie, ela foi a melhor colocada entre as estreantes da temporada passada, e volta ao CT esse ano para buscar melhorar sua posição no ranking.

Isabella Nichols
Isabella Nichols | Foto: reprodução/WSL

10. Courtney Conlogue

Courtney Conlogue é uma veterana do CT, tendo competido pela primeira vez em 2011. A atleta tem dois vice-campeonatos na sua carreira, e por pouco não conseguiu garantir sua vaga no tour mundial pelo ranking do CT 2021.

Courtney Conlogue
Courtney Conlogue | Foto: reprodução/WSL

11. Gabriela Bryan

Gabriela Bryan é uma havaiana, que conquistou sua vaga no CT pelo ranking do Challenger Series. A surfista entrou no Junior Tour em 2015, e seu resultado mais expressivo foi no Challenger Series de 2021, quando conquistou o vice-campeonato no US Open of Surfing.

Gabriela Bryan
Gabriela Bryan | Foto: reprodução/WSL

12. Brisa Hennessy

Brisa nasceu e cresceu na Costa Rica, e se qualificou pela primeira vez para o tour mundial em 2018. A surfista ainda está em busca de um top10 no ranking do CT, mas segue reconquistando sua vaga pelo QS ou Challenger Series e se manteve no tour desde então.

Brisa Hennessy
Brisa Hennessy | Foto: reprodução/WSL

13. Bettylou Sakura Johnson

Bettylou tem apenas 16 anos e se qualificou para o CT pelo ranking do Challenger Series. A atleta representa o Hawaii no tour mundial e, em 2021, venceu a etapa de Haleiwa do Challenger. Esse é seu rookie year no Championhip Tour.

Bettylou Sakura Johnson
Bettylou Sakura Johnson | Foto: reprodução/WSL

14. India Robinson

A australiana de 21 anos também está estreando no Championship Tour, na temporada de 2022. India venceu a etapa de Hossegor, na Franca, na etapa do Challenger Series de 2021.

India Robinson
India Robinson | Foto: reprodução/WSL

15. Luana Silva

Filha de brasileiros, a surfista de 17 anos compete representando o Hawaii no tour mundial. Luana levou o primeiro lugar na etapa portuguesa do Challenger Series, em Ericeira, na temporada de 2021. Essa temporada é sua primeira competido pelo título mundial da WSL.

Luana Silva
Luana Silva | Foto: reprodução/WSL

16. Molly Picklum

Molly vai estrear no CT em 2022, após a estadunidense Caitlin Simmer renunciar sua vaga no tour mundial. A surfista conquistou sua vaga pela sua classificação no ranking do Challenger Series.

Molly Picklum
Molly Picklum | Foto: reprodução/WSL

17. Malia Manuel

Malia é a outra wildcard da temporada de 2022. A surfista havaiana entrou no CT em 2012, aos 19 anos. Sua melhor colocação no ranking do tour mundial desde então foi o quinto lugar, em 2014.

Malia Manuel
Malia Manuel | Foto: reprodução/WSL

Com a temporada de 2022 chegando, agora você já conhece as atletas que vão competir pelo seu primeiro - ou mais um - título mundial. E tem tanta gente nova e nomes de peso, que fica difícil escolher a grande aposta da temporada que está começando.