• Fernanda Bahia

"That's Caroline": vice-campeã mundial de 2019, Caroline Marks ganhou mini-doc sobre sua história

O documentário "That's Caroline" conta, em 21 minutos, a trajetória da surfista americana que, aos 19 anos, surfa o tour mundial da WSL e vai representar os EUA nas Olimpíadas 2020. O filme entrou no ar hoje, 14 de abril, no site da Red Bull, e está disponível na Red Bull TV.


Caroline Marks é um nome novo no CT, tendo se classificado pela primeira vez em 2018, quando tinha 16 anos. Marks foi a atleta mais nova a conseguir o feito. Em 2019, sua segunda temporada no tour, a estadounidense, natural da Flórida, foi vice-campeã, e assim se classificou para os Jogos Olímpicos de 2020, para representar os Estados Unidos.


"That's Caroline" poster
"That's Caroline" poster | Divulgação/Red Bull

A história de Caroline é narrada por um dos seus irmãos, e mostra a relação dos pais e dos quatro irmãos, na hora de impulsionar e apoiar a surfista. Muito competitiva, começou a surfar com 10 anos, e apenas um ano depois já ganhou sua primeira competição, um amador. Até então, se dedicava a competições equestres.


Toda sua trajetória até conquistar a vaga no Championship Tour e nas Olimpíadas é contada no doc. Depois de se tornar profissional, aos 13 anos, ganhou 17 títulos em 6 anos.

Quando se classificou para o CT, ganhou o Rookie of the Year. Em 2019, quando surfou o tour pela segunda vez, chegou a ficar em primeiro no ranking, terminando a temporada vice-campeã. Uma análise rápida é feita sobre as habilidades e o que seria o diferencial da surfista.


O filme foi produzido pela The Front, com uma equipe totalmente feminina. Para assistir, é só acessar a Red Bull TV e conhecer mais da história dessa atleta que ainda vai dar o que falar no mundial. E confira aqui uma lista de outros 15 filmes de surf feminino para assistir depois!