• Fernanda Bahia

Rookie Caitlin Simmer renuncia sua vaga no CT 2022 e abre espaço para Molly Picklum

A estadunidense Caitlin Simmer renunciou sua vaga no Championship Tour 2022, a apenas algumas semanas da primeira etapa, em Pipeline. A australiana Molly Picklum se classificou e entrou no seu lugar.

Caitlin Simmers e Molly Picklum | Fotos: reprodução/WSL


Caitlin faria sua estreia no CT nessa temporada de 2022, com apenas 16 anos, mas negou a vaga. Segundo ela, apesar de ser uma meta estar no CT, ela prefere "evoluir no surf, passar mais tempo com família e amigos e focar na escola, para estar mais preparada mental e fisicamente para esse desafio".


Caitlin havia se classificado em 4º lugar pelo ranking do Challenger Series. Já a australiana de 19 anos, Molly Picklum, terminou o ano em 8º e, com a saída da surfista, se classificou pelo ranking. Molly também faz sua estreia no CT esse ano, sendo mais uma para a seleção australiana do CT Feminino.

Carissa Moore
Carissa Moore atual campeã mundial | Foto: reprodução/WSL

Das 6 atletas que se qualificaram para o CT pelo ranking do Challenger, 5 são rookies. O tour mundial feminino promete uma renovação e nomes inéditos na competição. Mas, veteranas continuam tomando seu espaço, e ainda veremos atletas como Carissa Moore, atual campeã mundial, Stephanie Gilmore e Tyler Wright no campeonato.


O Brasil será representado, no feminino, apenas pela surfista Tati Weston-Webb, uma vez que nenhuma outra atleta brasileira se classificou pelo Challenger Series. No masculino, temos 9 representantes, dois rookies: o carioca João Chianca e o paulista Samuel Pupo.


A primeira etapa do Championship Tour de 2022 será em Pipeline, com homens e mulheres competindo juntos. A janela do evento abre no dia 29 de janeiro, e vai até o dia 10 de fevereiro.