• Fernanda Bahia

Jeri Long Festival define Chloe Calmon campeã brasileira de longboard profissional 2020

Em calendário com etapa única para definir o campeão brasileiro de longboard profissional de 2020, o Jeri Long Festival foi palco da disputa que definiu Chloe Calmon como bicampeã.

Chloe Calmon, bicampeã nacional de longboard profissional
Chloe Calmon, bicampeã nacional de longboard profissional | Foto: CBSurf/Lima Jr.

A disputa final do feminino foi muito concorrida, com Marina Carbonel, do Rio Grande do Norte, vice-campeã e uma diferença de 0,60 pontos entre ela e Chloe. O pódio feminino teve a atleta de Pernambuco, Atalanta Batista e a também carioca Jasmim Avellino.


Jeri Longboard Festival
Jeri Longboard Festival | Foto: CBSurf/Lima Jr.

No masculino, quem venceu, pela terceira vez, foi o paulista Carlos Bahia. O cearense Antônio Vitor ficou em segundo, Alexandre Escobar, do Espírito Santo em terceiro e em quarto, outro cearense, Yam Wisman. As finais, tanto masculina quanto feminina foram acirradas, e os dois campeões eram favoritos da competição.



O evento teve ainda uma categoria open, e no feminino quem se destacou foi a surfista de 15 anos, Esmeralda Garzon. A atleta é cearense e está sendo reconhecida como um nome promissor das próximas gerações do surf de longboard do país.


Os campeões da categoria profissional tiveram uma premiação de R$20.000 em dinheiro, divididos de maneira igual para homens e mulheres. As categorias amadoras contaram com longboards da Collection Surfboards para os campeões, e todos os finalistas, do profissional e do amador, levaram troféus e kits da marca Pena.